Mesmo que muitas pessoas não levem a sério, o fato é que o sono é uma necessidade básica do ser humano. É através de uma boa noite de sono, que a pessoa descansa e relaxa o corpo, o que parece ser apenas um detalhe na vida cotidiana, mas muitos especialistas reafirmam a importância do sono e os benefícios que isso traz para saúde individual de cada um.

O problema é que muita gente acredita que o sono é uma necessidade que pode ser exercida de qualquer maneira, pois quando se tem sono, é possível adormecer em qualquer lugar e de qualquer maneira.

Entretanto, especialistas afirmam que existem diversos hábitos cotidianos que podem, de forma direta ou indiretamente, atrapalhar o sono saudável. Seja uma alimentação irregular, seja o cansaço, seja a procissão ou mesmo o som ambiente. 

Todos os problemas relacionados ao sono possuem tratamento, e muitos deles podem ser resolvidos com simples mudanças de hábito.Contudo, de nada adianta possuir todas as condições possíveis para dormir melhor, se não possuir um colchão apropriado com o peso, tamanho e todo a estrutura de um corpo, ou seja, existe um colchão adequado para cada pessoa, só é necessário saber procurar.

Tipos de colchão:

Existem quatro tipos de colchão que podem apresentar diferentes objetivos:

  • Colchão de espuma:

O colchão de espuma é o mais simples e barato do mercado, por isso ele acaba sendo o mais vendido. Devido ao material de sua composição, que basicamente é feita de diisocianato de tolueno e poliol, que são misturados com água, causando uma reação química que gera a espuma do colchão. Como a espuma possui um fácil manuseio, é possível se estabelecer a densidade do colchão de forma fácil e precisa. Normalmente, os colchões de espuma variam entre de 23 a 60 de densidade.

Colchões de espuma costumam ter uma durabilidade de até oito anos, dependendo da qualidade do material.

  • Colchão com espuma de memória:

A espuma aqui passa por um processo de diferente, o que acaba dando a espuma um aspecto macio e firme ao mesmo tempo. É o famoso efeito “NASA”, já bastante popular nos travesseiros. Esse material é bastante confortável e é caracterizado pelo efeito em que a pessoa deita e sua marca fica afundada. Apesar de bastante procurados, os colchões com espuma de memória são bastante sensíveis a temperatura, ou seja, não são boas opções para quem sente muito calor a noite.

  • Colchão de mola ensacada:

São aqueles colchões que possuem seu interior cheio de molas helicoidais, que ficam todas em procissão vertical. Cada mola é ensacada individualmente, impedindo que a mola se solte e saia do colchão. A distribuição das molas contribui para um conforto, pois cada mola acaba atingindo um ponto de apoio do corpo. Vale lembrar que o corpo não possui tantos pontos de apoio que justifiquem a compra de um colchão com uma grande quantidade de molas.

Colchões de mola podem ter uma durabilidade bastante extensa, de até 15 anos.

  • Colchão de mola bonnel:

  • Este é o colchão de mola mais tradicional. Todo o seu interior é montado por uma estrutura de molas interligadas. Apesar de serem bastante confortáveis, os colchões de mola bonnel não são muito recomendados para casais, pois devido às suas molas interligadas, um lado do colchão reflete o movimento feito do outro lado.

Densidade e maciez:

Quando procuram um colchão, as pessoas costumam priorizar a maciez, pois muitos acreditam que esse seja o sinônimo de conforto, contudo, muitos especialistas recomendam comprar um colchão de acordo com a densidade, já que a maciez pode ser uma armadilha, pois um colchão muito macio pode não dar a sustentação necessária na hora do sono, fazendo o corpo afundar no colchão, o que deixa a coluna em posição desfavorável, acarretando em dores.

A recomendação médica é a de que cada colchão seja escolhido através da densidade apropriada de acordo com o corpo de cada um. Quanto mais alta e pesada a pessoa, mais denso deve ser o colchão. Por exemplo, pessoas com até 1,50 e com até 70 quilos, devem procurar um colchão com medida de densidade 28. Já pessoas com mais de 1,90 e que pesam entre 121 a 150 quilos, devem procurar algo mais denso, com pelo menos 40 de densidade.

No caso de casais, os especialistas recomendam que a densidade seja escolhida a partir das medidas de altura e peso do indivíduo mais pesado.

 Com todas as recomendações em mãos, é só procurar pelo colchão adequado. A linha de colchões da Portobel oferece as melhores opções para o seu sono. Conheça nossos produtos e encontre o colchão ideal para você.